MENU





domingo, 19 de fevereiro de 2017

Fátima e Areal Entram no Ritmo do Samba

https://4.bp.blogspot.com/-Ykq7aWfXV5Y/WKs4OmJwFdI/AAAAAAAAAtU/pluNknohGWsqRdTf2GEY7Czc84qb4dAQQCLcB/s1600/F%25C3%2581TIMA%2BE%2BAREAL.JPG
    Samba no pé, alegria, originalidade e descontração foram os principais componentes dos eventos financiados pelo edital da Cultura nos bairros Nossa Senhora de Fátima/Ambrósio Perret e no Areal. A folia iniciou-se no final da tarde de domingo (19) estendendo-se à noite.

    No Fátima, a Perret Folia – evento tradicional realizado desde 1975 – reuniu centenas de famílias na rua Pedro Machado Filho, a principal via daquele núcleo. Idosos, adultos, jovens e crianças lotaram a rua e as calçadas, acompanhando o carro de som e a Banda Cruzmaltense. A corte de Carnaval, com o Rei Momo, a Rainha e as duas princesas, acompanhou o desfile.

    O presidente da Banda, Daniel Becker Nascimento, contou que o evento iniciou-se na época em que a comunidade morava na antiga Vila do Gasômetro, no Porto, proximidades da Irgovel. “Com a vinda das famílias para o Fátima, criou-se a Perret Folia para garantir a diversão.”

Elaine Pires, moradora há 23 anos na Perret, participa do evento todos os anos e também desfila numa escola de samba. Ela tem 77 anos e é apaixonada por Carnaval. “Não perco nunca. Isso é um incentivo para a vida”, comentou.

    Adriana Cavalheiro levou seus filhos para cair no samba. O menino Francisco tem seis anos e a menina Manuela tem nove meses e teve garantido o colo do pai, que aproveitou a festa popular fantasiado de homem das cavernas. “Aqui é seguro, é bem família. Sempre participamos”, disse Adriana, empolgada com o evento.

    No Areal

    O bloco Amigos do Sereno esquentou o chão arealense na sua estreia nos carnavais de rua. Ao cair da tarde do domingo, a folia já tomava conta da última quadra da avenida Domingos de Almeida, a partir da rótula com a Comendador Rafael Mazza. Carro de som e parte da bateria da Estação Primeira do Areal asseguraram a alegria e a empolgação dos moradores.

    O bloco Amigos do Sereno foi idealizado por um grupo de integrantes da Harmonia da Estação. “Surgiu a oportunidade de recebermos o apoio da prefeitura, através de edital. Podendo contar com a segurança, o som e o controle do trânsito, colocamos o bloco na rua”, contou Marcelo Pires, que faz parte da Harmonia da escola que não vai desfilar neste ano.

    Foguetes anunciaram o início da batida dos instrumentos da bateria. Emocionada, Andreia Souza, moradora no Areal e componente da Estação, comentou que a festa popular é muito válida. Seu marido Flávio é conhecido pelo apelido de “Carnaval” e caiu no samba aproveitando todos os momentos proporcionados pelo Amigos do Sereno. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
http://www.debit.com.br/


Cotações de Commodities fornecidas por Investing.com Brasil.